Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

iluminando

"Quem governa Portugal somos todos e não uma corte de iluminados em Lisboa" (António José Seguro, 23/07/2014)

iluminando

"Quem governa Portugal somos todos e não uma corte de iluminados em Lisboa" (António José Seguro, 23/07/2014)

A questão num ambiente de seriedade política

David Crisóstomo, no 365 forte: Descontaminado de foros populistas tão em voga

 

"[...]

Portanto, o autor da proposta de redução de deputados que terá dado ontem entrada na Assembleia da República acreditava que propostas de reduções de deputados no parlamento português eram algo de "foros populistas tão em voga".

[...]"

 

"[...]

Ontem, na histórica sede do Partido Socialista, em Lisboa, naquele que será provavelmente um dos seus últimos actos públicos enquanto Secretário-Geral do PS, António José Seguro decidiu apresentar aos portugueses a mais recente proposta legislativa da bancada socialista, uma proposta em que ele e a sua direção vinham trabalhando desde finais de 2011: uma redução do número de representantes eleitos da população portuguesa. Uma proposta que reduziria a cerca de uma dezena os parlamentares eleitos à esquerda do PS e diminuiria a representatividade regional de vários distritos do interior do país. Sem quaisquer estudos, pareceres ou discussão interna e já fora do prazo a que se tinha proposto, António José Seguro declarou claramente como interpreta o que é a sua "nova forma de fazer politica" e de que maneira pretende liderar o Partido Socialista e, potencialmente, o país. E demonstrou-nos mais uma vez o quão confiável é a sua palavra. Quem sabe, talvez daqui uns anos já volte a ser contra e apelide de populista esta que será certamente nesta legislatura a mais imbecil e vergonhosa proposta legislativa do PS a dar entrada na Assembleia da República Portuguesa."

 

 

Autores

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D