Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

iluminando

"Quem governa Portugal somos todos e não uma corte de iluminados em Lisboa" (António José Seguro, 23/07/2014)

iluminando

"Quem governa Portugal somos todos e não uma corte de iluminados em Lisboa" (António José Seguro, 23/07/2014)

Confundir o país com um vasinho

Nuno Júdice, no Mobilizar Portugal:

 

[...]

É em alturas como estas que se exigem políticos com uma cultura e uma experiência com provas que inspirem confiança. O poder hoje não é aquela florzinha cultivada com tanto amor num filmezinho publicitário, e confundir o país com um vasinho de por à janela não é uma visão adequada à seriedade deste momento.

Também não é saudável falar contra as elites num tempo em que pelo contrário essas elites, lisboetas ou não, são indispensáveis para o bom governo do país, e menos ainda tornar os políticos objecto de suspeita, com uma proposta quase inquisitorial relativa a quem aspire a essas funções. Um candidato a deputado tão puro como o que se pretende – sem qualquer ligação ao mundo real em que vivemos – terá de vir de fora, talvez seja de dar vistos gold a budistas ou esquimós para se candidatarem a uma assembleia que, com a redução a 181, terá a originalidade de vir a ser conhecida como o Parlamento capicua.

[...]

 

 

Autores

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D