Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

iluminando

"Quem governa Portugal somos todos e não uma corte de iluminados em Lisboa" (António José Seguro, 23/07/2014)

iluminando

"Quem governa Portugal somos todos e não uma corte de iluminados em Lisboa" (António José Seguro, 23/07/2014)

Ficamos entendidos sobre o salário mínimo nacional

Miguel Abrantes, no Câmara Corporativa: Desentendimentos entre entendidos

 

«[...]
António José Seguro, que diz defender a actualização do salário mínimo, não só não toma nenhuma iniciativa para o efeito como não indica o valor da actualização que pretende impor. Mais, ao referir que a erosão do salário mínimo resultante da inflação só deve ser tida em conta para o futuro, o ainda secretário-geral do PS cola-se à posição do Governo: «Deve haver uma política de rendimentos e esse aumento do salário mínimo nacional deve estar previsto e indexado ao crescimento da nossa economia, à produtividade do país, mais inflação para os anos futuros.
[...]»

 

 

Autores

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D